Press News & Events

Marketing, um Golias em tempos de covid-19

Quinta, Abril 2, 2020 - 18:27
Publicação
Dinheiro Vivo

Nos próximos meses, os negócios que já estão a sofrer, ainda vão sofrer mais, consequências de uma pandemia à escala mundial, única na história moderna.

O desaceleramento dos investimentos, as consequentes reduções de faturação e a dificuldade de gerar novos negócios vão dar origem a uma redução significativa do produto interno bruto português, bem como o regresso de uma taxa de desemprego que rondará os 10,1%. Um estudo feito pelo Banco de Portugal afirma que estas são algumas das implicações da covid-19 para Portugal. Estas afetam todo o tecido empresarial, não olhando para dimensão, reputação ou história.

Com esta calamidade, as organizações vêem-se forçadas a tomar medidas para garantir a sua preservação nos mercados. Os canais, que outrora eram usados, estão manifestamente obsoletos o que obriga a soluções diferenciadas. Além das que estão mais em voga, como a Zoom ou a Skype, existem outros recursos que permitem manter a relação cliente/organização, tais como a Microsoft, com o seu Teams, a Cisco, com o Cisco Webex ou até a Google, com o Hangouts. Com praticamente todos os canais offline em estado de emergência ou em quarentena, as organizações contam com as suas estratégias digitais para mitigar, o mais possível, o impacto financeiro da covid-19.

Este impacto afeta todo o tecido empresarial, não olhando para dimensão, reputação ou história. Esta pandemia não olha a meios para atingir os grandes conglomerados empresariais que não são digital-native e irão ter que se reestruturar por forma a dar espaço a novas soluções digitais e, as empresas com dimensões mais humildes, que vivem do boca-a-boca e da sua reputação vão ter perdas dramáticas que podem colocar em causa a sua própria existência. Sejam grandes ou pequenas empresas todas tem um ponto em comum: a necessidade de se reinventar! E qual a solução mais rápida, eficiente e necessária dos dias de hoje? O digital como um canal a longo-prazo! Fala-se de apostar no search engine marketing através da criação e desenvolvimento de conteúdos para websites, no marketing de conteúdo que é aposta perfeita em tempos de crise, o lançamento de novas funcionalidades no e-commerce ou social media como soluções que permitem apresentar propostas de valor diferenciadas e fundamentais em tempos de pandemia. Nunca podemos esquecer que, como qualquer transformação, o medo é o nosso maior inimigo, e por isso, há que ser resiliente e camaleónico para nos adaptarmos a instabilidade que, de certo, surgirá.

Com esta instabilidade e em tempo de incerteza, o aclamado trabalho remoto ganha um relevo sem igual e o sentido de cooperação entre colaboradores, empresas e clientes nunca foi tão apurado. Costuma-se dizer que a melhor ideia advém de uma necessidade específica e, por esta altura, as necessidades para as organizações são mais que muitas. Estas podem agora dedicar-se a projetos outrora esquecidos, podem desenvolver abordagens que este admirável mundo novo do digital permite, podem e devem procurar soluções inovadoras e diferenciadas que permitam atingir o seu público-alvo, devem capitalizar as suas redes de network que são agora mais vitais do que nunca e devem colaborar com os seus clientes para estes investirem o remanescente dos seus, agora esmagados, orçamentos, em respostas mais disruptivas e que acrescentem valor. Um grande benefício desta crise é permitir os proofs of concept in real time, que comprovando a sua eficiência, farão parte da nova estratégia a longo prazo, assumida pelas empresas. Parafraseando um ditado muito antigo, quando se fecha uma porta, abre-se uma janela e este é um dos períodos mais sombrios do século XXI, que deve ser encarado pelas organizações e pela humanidade como uma oportunidade para aprender, crescer e inovar.

O desfecho, esse ainda, é imprevisível, mas não podemos esquecer que o maior desafio das organizações será olhar para oportunidades, que ontem não seriam tidas em conta e que o digital, além de ter vindo para ficar, pode ser uma solução eficaz e de longo prazo.

Em jeito de resumo, a robustez e a serenidade que uma organização adquire depois de ter sobrevivido a este tempo de instabilidade irá conferir-lhe capacidade para qualquer adversidade futura, convertendo qualquer David em Golias.

Digital Marketing Manager da Católica Lisbon, School of Business & Economics

Related Press News

22/05/2020 - 18:07
Observador
Com o trabalho remoto fomos levados a adotar procedimentos e a aceder a tecnologias que nos fizeram perceber que há muitas tarefas que podemos fazer melhor assim, evitando quilómetros e horas perdidas. Já todos sabemos. A pandemia do Covid-19 virou o...
15/05/2020 - 14:40
Observador
No contexto atual, podemos não ter já as novas respostas. Mas, temos de ter novas perguntas. Mais interessante do que “O que virá aí?” é, por exemplo, “Como posso preparar-me para o que aí vem?”. O futuro reserva-nos novos desafios e, com a naturalidade...

Próximos eventos

02
Jun
12:30

Católica Lisbon School of Business & Economics

Room 533
Lisboa1649-023
Portugal
16
Jun
16:00

Católica Lisbon School of Business & Economics

LisboaLisboa1649-023
Portugal