Press News & Events

Digital destaca-se

Thursday, March 14, 2019 - 16:42
Publication
Jornal de Negócios

Programas voltados para a dimensão digital da CATÓLICA-LISBON têm registado elevada procura nos últimos anos. Outros cursos têm igual sucesso.

Uma cultura de rigor, profissionalismo, inovação e orientação para o cliente, suportada por um corpo docente de excelência e numa entusiasta e qualificada equipa nos serviços, está na base do sucesso e é o que distingue os programas da CATÓLICA-LISBON. Estes programas têm uma procura elevada e no que diz respeito à Formação para Executivos, a dimensão digital tem-se destacado nos últimos anos, com a escola a posicionar-se pioneiramente nestas áreas, sendo um vetor estratégico determinante.

"Na nossa escola, temos cursos mais abrangentes, como é o caso do programa em Digital Transformation, que consiste no processo de evolução e transformação das organizações, tirando partido das oportunidades criadas por estas alterações tecnológicas e sociais profundas. Mas também programas mais específicos como é o caso do Marketing Digital ou do Big Data, que visam proporcionar aos analistas de dados uma visão detalhada dos conceitos e metodologias de investigação científica que incidem sobre o processamento e análise de big data e que podem ser aplicadas e implementadas em contextos da indústria, com impacto direto no desempenho das empresas", diz Céline Abecassis-Moedas, diretora da Formação de Executivos da Católica Lisbon School of Business & Economics.

Consoante a área de formação dos participantes, outros cursos têm visto um aumento de procura. A escola tem profissionais com formação de base nas áreas da engenharia, finanças e contabilidade, tornando as questões de negociação e liderança indispensáveis. "Estes programas conseguem, esgotar todas as edições." Já cursos para atividades específicas, como saúde, farmacêutica, transportes, turismo ou distribuição, são sempre "bem-sucedidos".

 

Executive Masters

Executive Masters, Programas de Inscrição Aberta, Programas Intraempresa, fazem parte da oferta diversificada da Formação de Executivos da CATÓLICA-LISBON. Os programas de Executive Masters, um sucesso na Europa, "destinam-se a executivos que pretendem investir numa formação avançada, com avaliação, estruturante, e curricularmente valiosa". No fim, os diplomados podem elaborar e defender uma tese e obter o grau de mestre. "Os nossos programas de Executive Master envolvem uma sólida formação em management, conjugada com uma formação aprofundada numa área de especialização. As especializações que oferecemos são nas áreas do Digital Innovation, Finance and Control, Leadership Development e Strategic Marketing".

Neste momento encontram-se abertas as candidaturas aos Executive Masters in Management with a specialization in Leadership Development e with a specialization in Strategic Marketing – começam em maio. As candidaturas aos programas de Executive Education decorrem todo o ano, fechando tipicamente até duas semanas antes da data de início de cada programa. Nas próximas semanas vão começar programas como o Big Data: Data Science and Business Analytics, o Programa de Gestão de Marketing Digital, o Healthcare Management Program, o 3 Pilares: Comunicar Persuadir e Negociar ou o PAGE – Programa Avançado de Gestão para Executivos.

 

Oferta customizada a empresas

As empresas apostam cada vez mais na formação dos seus quadros. Face a esta aproximação das organizações à universidade, a CATÓLICA-LISBON tem crescido na sua oferta customizada a empresas. "A oferta intraempresa constitui uma experiência única de formação que resulta de um trabalho de parceria entre a equipa da CATÓLICA-LISBON e dirigentes da organização cliente." Pode decorrer no campus da universidade ou em qualquer outro local em Portugal ou no estrangeiro. O cliente escolhe. "Flexibilidade e customização são as palavras de ordem, pois cada solução é cuidadosamente ajustada à realidade da empresa, ao perfil dos participantes e do setor", assegura Céline Abecassis e prossegue: "Todas as dimensões associadas – conteúdos programáticos, metodologia, corpo docente, horário, periodicidade, calendário, local de realização e avaliação – são definidas em função de cada desafio concreto." A faculdade está presente em áreas de intervenção, como a Estratégia, Gestão Geral, Gestão da Mudança, Economia, Finanças, Marketing & Gestão Comercial, Gestão de Projetos & Operações, Liderança & Comportamento Organizacional, Empreendedorismo & Inovação.
 

Os próximos tempos

A CATÓLICA-LISBON está a preparar um conjunto de novidades para os próximos tempos, como é o caso da formação na área da Sustainability, Smart City e Accelerating Digital Transformation. A escola procura sempre acompanhar as tendências e as mais recentes necessidades do mercado. Tem também a preocupação constante de ter professores doutorados nas melhores universidades mundiais, mas que tenham contacto prático e diário com o mundo empresarial. "Esta realidade valoriza em muito os nossos programas, pois há uma constante atualização de conteúdos e módulos", explica Céline Abecassis.

No futuro, é fundamental apostar no customer-centricity, oferecendo serviços de formação alinhados com as necessidades e trazendo "ideias novas ao mundo empresarial através de uma educação inovadora". A Formação de Executivos vai continuar a evoluir para se tornar "mais eficaz e garantir às empresas e aos participantes uma aplicação ainda mais valiosa do seu tempo e investimento". Nessa perspetiva tem sido reduzida a componente de formação convencional, mais centrada no professor enquanto conhecedor dos temas, que os expõe transmitindo saber. "Metodologias muito mais interativas e inovadoras têm cada vez mais peso, por forma a garantir aplicação imediata de conhecimentos, como é o caso de simulações, role-playing, flipped classroom, blended e microlearning e gamification."

 

O reconhecimento do Financial Times

A Formação de Executivos da CATÓLICA-LISBON é reconhecida como uma das 40 melhores business schools do mundo, sendo a melhor escola portuguesa, de acordo com o ranking do Financial Times. Este reconhecimento internacional fica a dever-se à "cultura de rigor, profissionalismo, inovação e orientação para o cliente, suportada num corpo docente de excelência com professores nacionais e estrangeiros das mais prestigiadas universidades do mundo". Os bons resultados assentam também na aposta na internacionalização e nas parcerias estabelecidas com escolas internacionais de referência como "a Kellogg School of Management, o MIT, a Carnegie Mellon University, a Bocconi University, a Fundação Dom Cabral ou a Hong Kong University of Science and Technology (HKUST)".

Related Press News

08/03/2019 - 13:23
Dinheiro Vivo
Ao longo dos últimos, a geração Erasmus tem procurado cada vez mais carreiras internacionais, dado que estas, tendencialmente, proporcionam condições profissionais e financeiras mais apelativas. Por entre os universitários da área de Gestão/Economia é...
08/03/2019 - 13:18
ECO
Com sede em Nova Iorque, a organização galardoa anualmente figuras internacionais de renome, incluindo o ex-presidente do Banco Central Europeu, Jean-Claude Trichet. O banqueiro português António Horta Osório foi premiado esta quinta-feira com uma...